Compliance de Investimentos

Transparência e segurança são valores que guiam

nosso compromisso com clientes e parceiros.

Políticas

A BS2 DTVM tem como objetivo resguardar a eficácia, ética e clareza perante seus clientes.
Desta forma, nossas políticas internas servem de parâmetros, balizamentos e orientações,
facilitando as tomadas de decisões da organização e preservando os princípios da DTVM.

Política de 
Responsabilidade
Socioambiental

Mecanismo de
Ressarcimento
e Prejuízos

Política de
Compliance

Política de 
Suitability

Política de seleção
de Parceiro

Política de
Gestão de Risco

Documentos

● Instrução CVM 461 – Disciplina os mercados regulamentados de valores mobiliários e dispõe sobre a constituição, organização, funcionamento e extinção das bolsas de valores, bolsas de mercadorias e futuros e mercados de balcão organizado.
Instrução 505/11 – Estabelece normas e procedimentos a serem observados nas operações realizadas com valores mobiliários em mercados regulamentados de valores mobiliários.
● Instrução CVM 51/86 – Regulamenta a concessão de financiamento para compra de ações pelas Sociedades Corretoras e Distribuidoras.
Instrução CVM 402/2004 – Estabelece normas e procedimentos para a organização e o funcionamento das corretoras de mercadorias.
Instrução CVM 301/99 – Dispõe sobre a identificação, o cadastro, o registro, as operações, a comunicação, os limites e a responsabilidade administrativa de que tratam os incisos I e II do art. 10, I e II do art. 11, e os arts. 12 e 13, da Lei nº 9.613, de 3 de março de 1998, referente aos crimes de “lavagem” ou ocultação de bens, direitos e valores.
● Instrução CVM 220/94 – Estabelece normas e procedimentos a serem observados nas operações em bolsas de valores e dá outras providências.
● Instrução CVM 497/11 – Dispõe sobre a atividade de agente autônomo de investimento.
● Instrução CVM 539 – Dispõe sobre o dever de verificação da adequação dos produtos, serviços e operações ao perfil do cliente.
● Instrução CVM 8 – Dispõe sobre condições artificiais de demanda, oferta ou preço de valores mobiliários, manipulação de preço, operações fraudulentas e práticas não eqüitativa.

● Resolução 1655/89 – Disciplina a constituição, a organização e o funcionamento das sociedades corretoras de valores mobiliários.

● Lei 9.613/98 – Dispõe sobre os crimes de “lavagem” ou ocultação de bens, direitos e valores; a prevenção da utilização do sistema financeiro para os ilícitos previstos nesta Lei; cria o Conselho de Controle de Atividades Financeiras – COAF, e dá outras providências.
● Lei 6.385/76 – Dispõe sobre o mercado de valores mobiliários e cria a Comissão de Valores Mobiliários.

● Código de Conduta B3
● Manual de Procedimentos Operacionais B3
● Regulamento de Negociação da B3

● Regulamento Seguimento CETIP   

● Circular 3.461/98 – Consolida as regras sobre os procedimentos a serem adotados na prevenção e combate às atividades relacionadas com os crimes previstos na Lei nº 9.613, de 3 de março de 1998.


Escaneie e abra sua conta
digital sem mensalidades

Ou tire suas dúvidas
pelo Whatsapp


Correspondente Cambial nº 40953

Correspondente Cambial